REACÇÃO
OUT/INV 19─20





Conceito
A moda, assim como a arte em geral, sempre foram usadas como uma eficaz arma de reacção, em que, através de determinadas opções estéticas se podem fazer também manifestações ideológicas. É importante reagirmos ao que não nos parece correcto, e não ficarmos resignados e impávidos, a observar o mundo deteriorar-se á nossa volta.
A reacção que defendo aqui, é a que usa a expressão artística, a criatividade, o pensamento e que transforma a nossa imagem e o nosso estilo , numa espécie de panfleto ideológico, porque a minha rebeldia está nas minhas criações e na forma contundente como me expresso através das mesmas e nunca num comportamento violento, destrutivo e inconsequente.
Assim sendo, esta colecção reage ao preconceito, reage à destruição do planeta, reage à desigualdade social, reage à liberdade de expressão, reage à doentia ditadura da beleza, reage à injustiça, reage à desumanização das relações. Esta colecção é um manifesto à má índole.
Manifestar-me através das minhas ideias foi sempre o que quis fazer!
Ser criativo é saber falar sem abrir a boca!

Detalhes
Franzidos com várias inclinações e em partes das peças inesperadas, abalonados torcidos, statements aplicados nas peças com várias técnicas, mistura de elementos de um universo mais agressivo com elementos românticos, amálgamas de elementos gráficos aplicados nas peças, peças XXL, efeitos drapeados misturados e baralhados, volumes a deformar o corpo.

Materiais
Sedas, mousselines, crepes, organza de seda, sablé e marrocain com misturas de fibras gangas, malhas, viscose, algodão orgânico, denim, brocados, lã, nylons.

Parcerias
Calçado NOBRAND
Gangas orgânicas TROFICOLOR
︎︎︎